Desenvolvimento Comportamental para a Qualidade de Vida

CONTEXTO 

A qualidade do trabalho está diretamente ligada à qualidade de vida e esta última é resultado de um conjunto de fatores que não podem ser resolvidos isoladamente sob pena de seus esforços serem inúteis e ainda aumentarem o grau de estresse negativo.

Mudanças de comportamento só são consistentes com revisão de crenças e valores. E é justamente nisso que este programa trabalha, de forma leve e descontraída.
OBJETIVOS

Desenvolver o QE – Quociente Emocional – através de métodos, técnicas e sistemas integrados, vivenciais e holísticos que podem ser utilizados como ferramentas por profissionais de diversas áreas que atuem com grupos, promovendo a integração necessária para o sucesso da Organização pela força sinérgica do grupo;

Ensinar como administrar o estresse gerado pelas características típicas do nosso tempo e da organização tensionante do trabalho, patrocinando um melhor modo de ser e estar na empresa e na vida;

Oferecer estímulos para automotivação e motivação para a qualidade, através de atividades que prendem a atenção do participante e promovem mudanças positivas em seu comportamento;

Desenvolver o senso de equipe como força extra de atingimento de metas com melhores resultados tanto para a organização quanto para o funcionário;

Habilitar os participantes técnica e comportamentalmente a lidar com diferentes perfis psicológicos e estilos de pessoas.
PROGRAMA

Níveis Neurológicos: O entendimento que faz a diferença;

Princípios da automotivação e técnicas de redução do estresse que podem ser desenvolvidas dentro e fora do ambiente de trabalho;

Formação de times cooperativos (teamwork) ou o trabalho multidisciplinar como vantagem no controle e administração do estresse;

A natureza humana da qualidade e seu significado para o cliente;

Modernas técnicas de comunicação e relacionamento interpessoal no gerenciamento de conflitos interpessoais;

Aprendendo a lidar com opiniões, convicções e objeções diferentes sem estressar-se;

O desenvolvimento da criatividade e da flexibilidade como fatores diferenciais na qualidade de vida e de trabalho.

Desenvolvimento Comportamental para a Qualidade de Vida