Como treinar o seu cérebro para manter o foco

Nosso cérebro adora ser multitarefa. Mas todos temos muito a ganhar mantendo o foco em tarefas únicas. Entenda como se beneficiar da concentração para manter o foco

Como empreendedores, temos várias tarefas em nosso dia. Ficar focado pode ser difícil com o fluxo constante de tarefas e obrigações, funcionários, clientes, e-mails e telefonemas disputando atenção.

Em meio a tudo isso, entender as limitações do nosso cérebro e trabalhar em torno disso pode melhorar o foco e ajudar a aumentar a produtividade.

Nossos cérebros são finamente sintonizados com a distração e o ambiente digital de hoje torna a concentração uma atividade difícil. “Distrações são sinais de que alguma coisa mudou”, diz David Rock, co-fundador do NeuroLeadership Institute e autor do livro Your Brain At Work.

A distração é um alerta. Oriente a sua atenção para o aqui e o agora. Isso pode ser perigoso, já que a reação do cérebro é algo automático e pode ser difícil de controlar, ou parar.

Enquanto a multitarefa é uma habilidade importante ela também tem um lado negativo. Ela reduz a nossa inteligência, fazendo com que o nosso QI caia. Com isso, cometemos erros, perdemos alguns sinais sutis e até perdemos o controle quando não deveríamos.

Para piorar tudo a distração sempre é atraente. O seu cérebro acende luzes de recompensa quando trabalha multitarefa, o que significa que você tem uma alta emocional quando faz tudo de uma só vez.

Em última análise, o objetivo das nossas vidas não deve ser o foco constante, mas sim um pequeno e curto período diário sem distrações.

Segundo Rock, “20 minutos de foco diariamente, sem exceções, tem um profundo poder transformador em nossas tarefas e atitudes”.

Sendo assim, experimente essas 3 dicas para conseguir um comportamento mais focado e produtivo na sua jornada empreendedora.

Como vencer o desafio de manter o foco?

#1. Faça o trabalho criativo em primeiro lugar

Normalmente, damos prioridade para o trabalho mais árduo e a outras tarefas sem sentido em nosso dia-a-dia.

Esse tipo de trabalho drena nossa energia e reduz o nosso foco. Depois de 1 hora realizando esse tipo de trabalho, a nossa capacidade cerebral de processamento e realização é muito menor do que no início das atividades.

Toda decisão que tomamos vai cansando o nosso cérebro. Sendo assim, para se concentrar da maneira correta, inverta essa ordem.

Marque as tarefas que exigem criatividade e concentração para o início do seu dia e depois passe para o trabalho mais fácil, ou mais burocrático, como apagar e-mails e agendar reuniões, no final do dia.

#2. Distribua o seu tempo de maneira inteligente

Ao estudar milhares de pessoas, Rock descobriu que estamos realmente focados em uma média de 6 horas semanais apenas.

Por esse motivo, precisamos ser diligentes na maneira com que distribuímos o nosso tempo e tomamos a nossa atenção.

A maioria das pessoas se concentra melhor no período da manhã, ou no final da noite, e os estudos de Rock demonstram que 90% das pessoas têm seus melhores pensamentos e idéias fora do escritório.

Descubra aonde e quando você se concentra melhor, então aloque suas tarefas mais difíceis para esse momento.

#3. Treine seu cérebro como um músculo

Estar ou ficar multitarefa é natural. O nosso cérebro se adapta a isso naturalmente.
“Nós perdemos a capacidade de nos concentrarmos a partir do momento em que a distração se torna um hábito”, diz Rock.
É preciso praticar a concentração, desligando todas as distrações e comprometendo a nossa atenção para uma única tarefa.

Comece aos poucos, talvez com 5 minutos por dia e trabalhe, gradualmente, com pedaços maiores de tempo. Se encontrar a sua mente vagando, é só voltar correndo para a tarefa.

“É como praticar exercícios para ficar em forma, você precisa construir o músculo, diz Rock”.

Os perigos em ser multitarefa

 

___

Este artigo foi adaptado do original, “How to Train Your Brain to Stay Focused”, da revista Entrepreneur.

Autor

Enrico Cardoso – escreveu 101 posts no Jornal do Empreendedor.

Apaixonado por marketing e branding digital, Enrico Cardoso é profissional de storytelling e acredita que toda empresa tem uma única oportunidade de se transformar em uma grande marca: contando histórias e cativando os consumidores com seus sonhos e pretensões.

[NEUROAPRENDIZAGEM] Como treinar o seu cérebro para manter o foco
Classificado como: